Como dividir as despesas durante as viagens de férias?

CEO e fundador de fintech brasileira, que oferece conta compartilhada gratuita via aplicativo, dá dicas de como se organizar com as finanças nestas ocasiões

São Paulo, julho de 2022 – O mês de julho é marcado pelas férias, em sua maioria escolares, e costuma ser um período onde muitas viagens são realizadas. A Cumbuca, primeira fintech brasileira a oferecer conta compartilhada gratuita via aplicativo, é uma opção funcional para casais, famílias e grupos de amigos conseguirem organizar as finanças nestas ocasiões.

Dados do estudo “Turismo Pós-Pandemia: o que esperar para o setor”, realizado pela Pesquisa Globo, apontam preferências por destinos nacionais e pelo mês de julho. E apesar de ainda estarmos vivendo o período de pandemia da Covid-19, o avanço da vacinação em todo o Brasil promove o aumento da movimentação do setor de turismo, mesmo com a alta dos preços.

Segundo o CEO e fundador da Cumbuca, Daniel Ruhman, a melhor recomendação para as despesas durante uma viagem de férias é dividir os itens proporcionalmente ao uso de cada um, de forma que seja justo para todos os envolvidos. “Caso você vá viajar com outras pessoas, deve avaliar se serão do seu núcleo familiar e com tudo pago por você, ou se viajará com outros membros da sua família, namorado(a) ou com amigos, dividindo a viagem”, explica.

Em relação ao controle de gastos durante a viagem, é comum que os participantes guardem notas com os valores, anotem as despesas ou até façam uma planilha. Porém, esses métodos acabam tendo um ponto negativo: os gastos são feitos e deixados para uma divisão posterior, que muitas vezes não acontece de forma correta, seja por erro nos cálculos ou esquecimento. Quanto mais pessoas na viagem, maior é o caos.

De acordo com Ruhman, as divisões devem ser feitas de imediato, conforme os gastos vão ocorrendo e o aplicativo da Cumbuca torna essa opção viável. “Cada membro de um grupo adiciona seus saldos individuais e na hora de fazer um pagamento, escolhem quanto tirar do saldo de cada um, em que proporção, o que facilita muito a vida. Assim fica tudo acertado desde o início e ninguém deve nada para ninguém”, afirma.

Em geral, nos termos de organização financeira, é importante estipular uma média de gastos por dia, principalmente para alimentação e entretenimento, visto que o hotel e o transporte já foram definidos e pagos previamente. Desta forma, é mais fácil evitar se perder nos gastos, não ultrapassando o que foi definido de orçamento. Manter o valor total que deseja gastar durante a viagem no aplicativo da Cumbuca também ajuda no planejamento, porque essa quantia estará lá separada como “dinheiro do dia-a-dia”.

No entanto, é possível planejar uma viagem de férias com pouco dinheiro. O segredo é fazer escolhas que privilegiam custos menores e os pequenos detalhes contam muito. Quanto mais antecedência você tem, melhor consegue se organizar, tanto para já ir pagando os itens da viagem, e assim diluir riscos de alteração bruscas de preços, quanto para avaliar mais opções e estudar melhor o seu destino e possibilidades.

Daniel Ruhman destaca mais algumas dicas para fazer o planejamento financeiro de uma viagem de férias:

  • O planejamento começa com a escolha do destino, que se for internacional, o valor da moeda é um fator importante a ser considerado;
  • Comprar passagens de avião ou de ônibus com antecedência é bem vantajoso, pois o valor costuma ser mais caro conforme a data da viagem se aproxima;
  • Se a viagem for realizada de carro, os custos do transporte, como combustível e pedágios, não devem ser esquecidos;
  • Ao escolher uma hospedagem, o ideal é avaliar as comodidades incluídas, pois o valor pode ser alto dependendo do número de dias e do tipo de acomodação. Alugar uma casa pode ser uma opção;
  • Avalie quanto tempo falta para a viagem acontecer e, se possível, deposite mensalmente o valor que vai precisar. Isso ajuda a poupar dinheiro e a ter uma tranquilidade maior, curtindo mais a viagem quando o momento chegar.

Sobre a Cumbuca

A Cumbuca é a primeira fintech brasileira a oferecer conta compartilhada gratuita via aplicativo. O serviço financeiro tem o objetivo de facilitar a centralização e a divisão do pagamento das despesas de casais, famílias e grupos. Em 2021, foi eleita para participar do programa de aceleração da Y Combinator. Atualmente, a empresa integra a associação de Iniciadoras de Pagamento (ITPs), cujo objetivo é contribuir com todo o ecossistema do open finance, ao lado de grandes players, como Mercado Pago, Quanto e Finnet.

O app permite que os usuários possam centralizar saldos e pagamentos, e dividir as despesas de forma simples e prática, se assim desejarem. Para ter acesso à ferramenta, os interessados devem baixá-la e adicionar os cônjuges, familiares ou amigos à carteira. Com saldos individuais, os integrantes da conta decidem a quantia que cada um contribuirá para o pagamento das despesas, que pode ser realizado via PIX ou boleto bancário. O aplicativo está disponível para download nos sistemas Android e iOS. Mais informações no site.

Related Posts

© 2022 Abracoa - WordPress Theme by WPEnjoy